Resenha do livro - A Última Nota de Lu Piras e Felipe Colbert


A Última Nota - LU PIRAS E FELIPE COLBERT

Ela nunca pensou que a música transformaria sua vida.... até aquele dia.

O livro conta a história de Alicia, principal violinista de sua faculdade e filha de uma tradicional família grega – e põe tradicional nisso, a história do livro é atual, mas os pais de Alicia, são aqueles que acham que devem escolher até com quem ela vai se casar, e controlam cada movimento de Alicia. Eles não aprovam muito que ela estude, na verdade o que querem é vê-la se casando com Théo, o noivo perfeito e também grego.

 A história começa quando em uma apresentação da orquestra, Alicia erra uma nota, mas parece que ninguém percebe, o estranho acontece depois, quando um desconhecido aparece no coreto da cidade, é levado ao hospital e chama pelo nome de Alicia. Ela fica sem entender como alguém que ela não conhece pode chamar por ela?

 Para resumir o máximo possível a historia, a avó de Alicia, leva o rapaz para casa, já que ele não se lembra de nada do que acontece e o da o nome de Sebastian. Isso leva a aproximação inevitável dele e de Alicia, que no começo fica meio receosa com o rapaz.
 Daí em diante a história se torna previsível, e a relação dela com Sebastian, vai causar muitos problemas para Alicia, tanto com seu namorado, mas principalmente com a família de Alicia.
Tudo gira em torno do mistério que é Sebastian, de onde ele veio? Quem ele é? O que vai acontecer a ele? Mas vou parar por aqui, afinal, não tem muito o que contar do livro, qualquer informação a mais, será spoiler.

Para ser sincera eu não gostei muito do livro. Eu gostei sim da história no começo, o livro é sim bem escrito, a leitura flui muito bem, a história é leve e gostosinha de se ler, mas fiquei tão decepcionada com o fim do livro, que para mim estragou todo ele. Na verdade para mim faltou um final, fiquei com aquela sensação de que o livro teria uma continuação, para explicar o que não foi explicado no primeiro, sabe aquela sensação de quando termina um livro e você se pergunta: - e ai? É só isso? Mas e cadê o restante da história? Foi o questionamento que fiz, não gosto de partes inacabadas, incompletas.

Os pontos altos do livro é que ele trata um pouco sobre preconceito, já que Théo se acha um ser superior e em vários momentos tenta humilhar Sebastian.
Fala bastante da tradição grega e acho isso interessante e trata também de conflitos de gerações, um tema muito atual hoje em dia.
E claro a música, o que deixa o livro com uma leveza ainda mais gostosa.

Mas não se esqueçam que essa é minha opinião, assim como tudo em nossa vida, cada um tem o seu gosto, vi várias resenhas positivas sobre esse livro, e como eu disse o que acabou pesando em minha opinião foi somente o fim, se ele tivesse sido mais bem elaborado, eu teria gostado bem mais do livro.
Mas gostaria de ler outros livros dos autores.

" Quando você toca, você faz música. Quando você acredita você faz mágica."

“Eu chorarei todas as suas lágrimas. E quero sorrir todos os seus sorrisos.”


Beijosssssssss Fê!



0 comentários:

Deixe seu comentário