Adeus à Humanidade, de Marcia Rubim

Série: Adeus à Humanidade
Editora: Literata 
Páginas: 300 
ISBN: 978-85-8270-052-5
Sinopse: Uma paixão acendendo após mais de um século de escuridão.Uma doença atual apagando a luz de uma vida.Somente sua mordida poderia curá-la. Apenas seu tipo sanguíneo seria capaz de matá-lo. Como um amor tão improvável sobreviveria? Do que você seria capaz de abdicar para salvar e vivenciar, mesmo que por pouco tempo, um amor jamais sentido antes? Da cura de milhares de humanos? Da própria vida? Stephanie tinha todos os motivos do mundo para não acreditar em seres míticos ou na felicidade, mas vai descobrir que estava totalmente enganada. Sua alma-gêmea existe! O problema é que a linha do tempo que a separa do amor eterno é muito tênue. E somente um milagre possa uni-los novamente. 
Vai ser difícil resenhar esse livro... Estou sem palavras até agora. Simplesmente amei!
Ganhei como presente de aniversário da Fer e quase estraguei a surpresa; se eu tivesse aberto o livro, teria visto o autógrafo...
Bom, vamos lá:
No começo conhecemos Stephanie, uma excelente fotógrafa carioca, filha de pais separados que é apaixonada pela família. Por ganhar o primeiro lugar em um concurso, foi visitar o pai na Flórida e resolveu estudar por lá. Após o término de sua graduação em Enfermagem feita nos EUA, uma tragédia mudou completamente o rumo de sua vida. Nisso descobrimos o quanto ela é guerreira e batalhadora.
Deixou tudo para trás e foi para São Paulo em busca de um emprego melhor para sustentar a mãe e o irmãozinho. E é lá que tudo acontece. Por uma obra do destino, acaba caindo na equipe do exigente e lindo Dr. Richard, no setor de hematologia. Olha a coincidência: são vizinhos e não sabem. Conforme o tempo passa, fica mais difícil trabalhar com o gato misterioso. Já é complicado ter que economizar ao máximo para mandar dinheiro para a família e suportar o desaparecimento do pai, o renomado hematologista Allan; ter que aguentar mal humor piora tudo, e ter que fugir por estar apaixonada só atrapalha.

" Teria que manter um controle sobre-humano para continuar ali... O que mais me dava raiva nessa história é que, mesmo com tudo o que havia acontecido precisava admitir: algo nele me deixava balançada, e estava plenamente certa de que não era decorrente da sua beleza rara."

Mas a vida é uma caixinha de surpresas! E os dois, finalmente, ficam juntos. Isso não impede que mais problemas apareçam...
Esse livro mexeu muito com minhas emoções. Fiquei triste e nervosa por Stephanie e morri de rir com Richard. Quando a Marcia começou a descrever melhor o médico, fiquei encantada. O enredo é ótimo e a narrativa fluiu incrivelmente.
Mal posso esperar para ler os próximos livros da série! Esse descanso (algumas semanas sem ler por causa da vista cansada) tem que terminar logo; não aguento ficar sem ler e preciso saber o resto da estória do casal.
Junto com  Richard, o rastreador de Thorn (trilogia NÃO PARE!, de FML Pepper), e mais alguns, o Dr. Richard Hacket entrou para a listinha dos meus amores literários.

Essa é a capa da primeira edição, que saiu pela Novo Século:


2 comentários:

  1. Que bom que você gostou, Karol. Fico muito feliz! Obrigada pelo carinho e pela linda resenha! <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É impossível não gostar... Disponha! =)
      Quero ler o próximo livro o mais rápido possível; assim que for liberada a voltar a ler, compro a continuação. Sei que não aguentaria à tentação e vê-lo na estante e não poder ler.

      Excluir