{Resenha} Perfeitos de Scott Westerfeld

Tally finalmente é perfeita. Agora seu rosto está lindo, as roupas são maravilhosas e ela é muito popular. Mas por trás de tanta diversão – festas que nunca terminam, luxo e tecnologia, e muita liberdade – há uma incômoda sensação de que algo importante está errado. Então Tally recebe uma mensagem, vinda do seu passado, que a faz se lembrar qual é o problema na sua vida perfeita. Agora ela precisará esquecer o que sabe ou lutar para sobreviver – as autoridades não pretendem deixar que alguém espalhe esse tipo de informação.


 Edição pocket vira-vira Saraiva *Classificação 3/5





Tally já é uma perfeita, e parece que seu mundo de feia foi esquecido e ela está tão linda e fútil quanto os demais em Nova Perfeição.

Aqui conhecemos um pouco mais desse “mundo” perfeito e francamente ele parece um verdadeiro tédio para mim. A leitura mais uma vez ficou meio “lenta” no começo, mas nesse segundo não demorou tanto para que a história me cativasse e logo eu já estava mais ligada na história e em tudo o que acontecia.

O aparecimento de novos personagens foi muito bom, principalmente de Zane que é um fofo, mas que ao mesmo tempo nos deixa com raiva de Tally, afinal como ela já esqueceu David? É ai que paramos e nos lembramos de que seu cérebro foi alterado, e é ai que a escrita do autor exerce um verdadeiro fascínio em mim, porque, ao mesmo tempo em que EU SEI que a Tally não é mais a Tally, EU QUERO que ela se lembre de tudo e fico com raiva por isso não acontecer e ela cometer muitas besteiras.

Zane nos deixa apaixonados, seu jeito meio moleque, mas apaixonado de ser e protetor é muito fofo. Paris e Shay eu gostaria que fossem apagados da história, o “gentinha” insuportável, rs, se bem que Tally tem horas que me irrita de um jeito...

O autor consegue nos esclarecer muitas dúvidas, surgidas no primeiro livro, e claro que ele iria nos trazer mais algumas, mas de uma forma geral, gostei bem mais do segundo livro, já que ele conseguiu me cativar mais rápido que o primeiro.

As aventuras continuam e saber até onde as autoridades de Nova Perfeição vão para manter a “ordem” é impressionante, e de dar medo... Os momentos de ação são um caso a parte, e eu simplesmente ADORO, não consigo despregar os olhos. O que é mais “o outro mundo” que Tally descobriu? São surpresas atrás de surpresas.

Confesso que a cada leitura dessa série percebo mais a semelhança com nossa sociedade atual, mas deixo isso a critério de cada um que ler.

Mas bem, uma coisa que me deixou muito irritada foi o borbulhante da história, credo o livro tem umas 308 páginas (pelo menos a versão pocket que li), mas pelo menos umas 50 páginas são de “borbulhantes” (tudo bem posso estar exagerando um pouquinho), olha que coisa cansativa ler isso o tempo todo.
Mesmo depois que eu consegui finalmente entender o conceito de borbulhante, já estava tão irritada de ler essa palavra que nem quis saber se o significado tinha sentido ou não.
E falso também não ficou atrás.
Claro que não vou explicar o conceito, afinal se eu tive que ler o livro praticamente inteiro para entender, eu que não vou estragar a “surpresa” de todos, fora que no começo, chega a ser interessante tentar compreender o que verdadeiramente expressa essa palavra, mas no meio de livro você quer rasgar todas as páginas em que ela aparece, o que significaria o livro todo praticamente.

Mas borbulhantes e falsos a parte o livro foi bom, mas só isso, não foi nada de extraordinário, claro que como eu disse foi melhor que o primeiro, tivemos muitas surpresas legais, mas acho que ver somente o ponto de vista de Tally para tudo me cansou um pouco.

O final mais uma vez foi surpreendente, mas estou ficando meio receosa com o que vou encontrar no terceiro. E isso está me deixando meio ansiosa. Mas vou ler primeiro e ficar nervosa depois.
Bem que já leu comente o que achou, e vamos ter uma conversa borbulhante (ok isso não teve graça).

Beijos

6 comentários:

  1. Ainda não tive o prazer de ler nada da serie , mas pretendo pois já me foi muito recomendado
    ⋙ Um beijo, te espero no blog
    blog Livros com café

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Pepi.

      Obrigada pela visita.

      Bem infelizmente com o fim da série fiquei muito brava, e não recomendo mais a leitura kkk. Mas mesmo assim acho que cada um tem que ler, afinal muitos gostam. rs.

      Beijosss

      Excluir
  2. Fer, eu tb não li nada da série. Confesso que tenho vontade, pq sempre vejo resenhas perfeitas como a sua.
    Beijos
    aculpaedosleitores.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bia.

      Ai se eu te disse que depois que li os outros detestei? rsrs
      Mas mesmo assim se puder leia, vai que você gosta né? rsrs

      Beijosss Fer

      Excluir
  3. Que pena que essa série não funcionou com você. Eu simplesmente adorei toda a teoria desenvolvida pelo autor, achei o máximo a inserção da tecnologia no dia-a-dia das pessoas (eu queria uma prancha voadora e um bracelete anti-queda daquele), além claro toda a crítica social do livro.
    Leia sim Especiais, já li a fiz resenha (depois leia minhas resenhas e me fale o que achou). Estou para ler Extras e algumas pessoas me falaram que são informações adicionais e pelo que eu percebi em Especiais a história termina ali, gostei do fim.
    Beijos

    Leituras, vida e paixões!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi NI.

      Então eu estava gostando, mas de repente sei lá... nossa achei muita coisa "boba" acontecendo, muito vai não vai, fui, fiquei rsrs e isso me cansou. Mas sim as criticas do autor são claras e concisas.

      Eu já li rsrs. É que a resenha ficou guardada rsrs.

      Beijosss

      Excluir