{Cinematografia} Frankenweenie


Assim como o curta-metragem de 1984, Frankenweenie conta a história de Victor Frankenstein, um garoto que perde seu cão Sparky num acidente de carro. Após seu professor de ciências, o Sr. Rzykruski, ensinar sobre bioelectricidade, Victor tenta trazer Sparky de volta a vida.
Há indícios de que o personagem Victor é o mesmo personagem interpretado por Johnny Depp no filme A Noiva Cadáver, Victor Van Dort, com uma aparência muito semelhante. Um cão semelhante a Sparky também aparece no mesmo filme quando Victor vai para o submundo.
Embora Tim Burton tenha assinado com a Disney para dirigir dois filmes em Disney Digital 3D, incluindo Alice no País das Maravilhas e o remake de Frankenweenie, o desenvolvimento de sua versão longa-metragem em stop-motion data desde novembro de 2005, quando os scripts haviam sido feitos por Josann McGibbon e Sara Parriott. John August foi abordado para uma reescrita em 2006, mas não foi contratado até janeiro de 2009. Como o original, esta versão foi filmada em preto e branco. Muitos dos artistas de animação e a equipe de A Noiva Cadáver estavam envolvidos. Além de aproveitar elementos de seu projeto anterior, Burton também emprestou o design da personagem-título do seriado Family Dog para Sparky.
As filmagens começaram no Three Mills Studios, em julho de 2010. A equipe criou três palcos de som gigantes, incluindo o sótão desordenado da família de Victor, o exterior de um cemitério e o interior de uma escola de ensino médio. Os estágios de som foram então divididos em 30 áreas distintas para lidar com o estilo artesanal quadro-a-quadro deste tipo de filmagem. Comparado a outros sets de animação em stop-motion, o de Frankenweenie é muito maior. Como observa IGN, o personagem principal, Sparky, teve que ser um “’cão proporcional’ em relação aos personagens humanos, mas também grande o suficiente para abrigar todos os elementos do esqueleto mecânico posto dentro de sua espuma e várias encarnações com base de silício". Por outro lado, as peças são pequenas e delicadas, e em alguns casos, foi necessário que relojoeiros suíços criassem as porcas e os parafusos pequenos. Cerca de 200 bonecos foram usados separadamente, com umas 18 versões diferentes de Victor. Os bonecos também têm cabelo humano, com 40, 45 articulações para os personagens humanos e cerca de 300 peças para Sparky.
Dois álbuns da trilha sonora do filme serão lançados: Frankenweenie: The Original Motion Picture Soundtrack, composto e orquestrado por Danny Elfman, e Frankenweenie Unleashed!, que contém quatorze faixas de diversos artistas, incluindo "Strange Love", de Karen O, contida nos créditos finais do longa-metragem.


Fonte: Wikipédia


5 comentários:

  1. Oi Karol!
    tenho muita curiosidade sobre esse filme, a estrutura que eles tiveram que montar deve ser mesmo imensa, os filmes do Tim Burton são sempre cheios de detalhes e acho que não deve ser diferente com esse.
    Beijos
    sobrelivrosesonhos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Tim Burton?! Sou super suspeita, Karol!!
    Gosto de todos... e esse é muito bem feito, amei!

    ResponderExcluir
  3. Falar que eu amo o Tim Burton é pouco! Adoro esse filme!
    bjs

    ResponderExcluir
  4. Se eu te contar minha história com esse filme vc racha de rir... Eu já assisti umas 5 vezes, porém nunca vi o final. Não sei como termina rsrsrs. Tenho medo do cachorrinho zumbi morrer de vez, e meu coração não aguentaria isso.
    Tenho problemas com aceitação.
    Beijos
    aculpaedosleitores.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Tenho vontade de ver essa animação mas ainda não vi. Esse fim de semana quase consigo, mas quando lembrei já fazia uns minutos que tinha começado na TV por assinatura, então deixei para depois.

    ResponderExcluir