{Resenha} Nada Acontece por Acaso de Dernires Romualdo

Quando Fernanda perde o pai repentinamente, se vê obrigada a mudar para o Rio de Janeiro, com os irmãos, para morar com a mãe, que os abandonou ainda crianças. Ao chegar lá, percebe que terá de enfrentar algo maior do que seu rancor pela mãe, o amor por Dante, um fotógrafo gaúcho. Sedutor, Dante não desiste fácil, e tenta conquistá-la através de músicas, ao mesmo tempo em que tenta eternizar sua imagem através de suas lentes. Fernanda se surpreende ao perceber que, embora ele já esteja comprometido, está desesperadamente atraída por ele. Incapaz de resistir às suas covinhas, e tendo que decidir entre seus princípios e o amor de Dante, Fernanda se vê cada dia mais presa a uma situação onde não gostaria de estar. 

Livro Rápido * 2014 * 282 páginas * Classificação 5/5




Se eu gostei de Seattle (o outro livro da autora), sinceramente não sei o que dizer de Nada Acontece Por Acaso.

Dernires se superou.
Quando resenhei SEATTLE, comentei que a autora teria se inspirado um pouco em 50 tons de cinza, levemente, mas era perceptível a inspiração.

Mas dessa vez, se ela teve alguma outra fonte como inspiração, eu não percebi.
Para mim foi uma história totalmente nova, totalmente linda, e totalmente mágica.

Fernanda (Atenção para o nome da protagonista. Ai morri.) perdeu o pai e agora se vê obrigada a se mudar para o Rio de Janeiro com os irmãos. Eles terão que morar com a mãe, que os abandonou á muitos anos atrás.
Erick e Sophia, irmão de Fernanda, estão conformados com a mudança, e Sophia chega a estar empolgada e muito feliz. Mas para Fernanda esse é um triste destino. Além de ser muito apegada a seu pai, a dor a consome, e ela não quer ter que morar com a mulher que só a colocou no mundo, mas que nunca esteve por perto.

Para Fernanda é uma mudança muito grande, mas ela sabe que precisa superar e seguir em frente.
E ai começou minha admiração por ela. Senti cada momento vivido pela Fernanda, sejam os momentos dolorosos ou gloriosos. Foi possível acompanhar cada lágrima, cada sorriso... Foi possível passar com Fernanda por cada fase de seu amadurecimento. Mesmo os momentos onde a insegurança e a tristeza batiam em sua porta, era possível ver Fernanda lutando para superar. Em nenhum momento ela ficou só reclamando e lamentando, não, ela tem fibra e um caráter de se admirar.

Claro que em alguns momentos ela destratava um pouco sua mãe, e parecia estar muito “intragável”, mas sinceramente? Eu achei que ela tinha razão em tudo, afinal ser abandonada pela mãe não deve ser fácil, e cada um tem o seu tempo para se recuperar de suas dores e a Fer tinha o tempo dela.

Bem como podem ver eu fiquei encantada pela protagonista que levou meu nome né? Mas não é só por isso não, realmente a personagem me cativou.

Mas nem de momentos dolorosos consistia o mundo da Fer. É ai que entra o... (posso fazer uma pausa para alguns suspiros?) Dante (se o nome é lindo, imagina o dito cujo?). Dante é um gaúcho (poxa posso suspirar só mais uma vez?) lindoooo e fotografo. Sedutor ele se sentiu atraído pela Fernanda logo de cara, e ser “parente” da mãe dela só facilitou sua aproximação.
Impossível não se sentir atraída por esse homem maravilhoso, logo Fernanda esta entregue. Mas ela descobre que o bonitão é comprometido.
E claro ela se afasta, mas não por muito tempo. Dante promete terminar com a namorada, que na verdade nem namorada mais direito é, assim que a fulana voltar de sua viagem (por mim podia ter ficado onde estava). E ele não esta mentindo, ele realmente está apaixonado por Fernanda, e assim dão inicio ai seu lindo, acalorado e HOT romance.
Mas quando Beatriz volta de viagem, as coisas não poderiam se complicar mais. E Fernanda não vê outra opção senão se afastar de Dante, afinal seu caráter não permitiria estar entre eles e o destino que já havia traçado seu caminho.

Em meio a dores e mais tristeza. Fernanda se vê amadurecendo ainda mais. Descobrindo que nem tudo na vida é como desejamos, mas que as coisas sempre terminam como devem ser, e que a felicidade ás vezes acontece quando menos esperamos.

Sem Dante sua vida perdeu a cor, mas ganhou sentido, ela sabia que tinha feito a coisa certa, mesmo que em alguns momentos não parecesse.

Mas uma grande tragédia pode fazer com que mais uma vez sua vida fique fora de eixo. Mas ao mesmo tempo pode alinhar tudo o que havia saído do lugar.

Será possível que Fernanda possa superar tudo o que aconteceu? E quererá o destino que ela possa ser feliz?

Uma leitura que me envolveu do começo ao fim! Me senti conectada aos personagens logo no inicio e esperava fervorosamente pelo final feliz.
O final me surpreendeu, a escolha de “momentos” que Dernires utilizou com certeza mexem muito com o leitor. Um encontro entre a ficção e a realidade, e uma forma de dizer:
- Aproveitem a vida! Ela é uma benção que devemos apreciar e correr sempre atrás de nossa felicidade.
Não temos o poder de saber o dia de amanha, muito menos se ele realmente vira então devemos ser felizes enquanto podemos.

Com certeza uma história que mexeu muito comigo.

A diagramação é simples, mas a capa é linda, e como sempre Dernires escolheu uma trilha sonora perfeita para sua história.

E claro que eu indico a história de Fernanda e Dante.
E preparem-se afinal Nada Acontece por Acaso.


Beijosss




0 comentários:

Deixe seu comentário