{Especial} Vamos falar sobre Shakespeare?



Todos sabem que o relacionamento de Romeu e Julieta, foi algo bem complicado, mas isso não impediu ninguém de amá-los e torcer sempre por um final diferente!
Essa foi a obra mais adaptada de Shakespeare. Não só em filmes, também em livros e peças de teatro, ela é conhecida como sua obra prima teatral.
Todas as adaptações, releituras, inspirações são de arrancar suspiros (sou meio suspeita, pois é a peça que eu mais gosto) ou até mesmo risadas, com suas paródias, vamos conhecer algumas? (faremos em dois posts hoje, e teremos mais rs) (DESABAFO: mexi em um vespeiro gigantesco = obras de Shakespeare... e quero que tudo saia lindo)




Uma das primeira adaptações cinematográficas da obra é de 1968. Essa não é uma adaptação livre, é totalmente fiel à obra do Bardo.Em Verona, o jovem Romeu fica apaixonado e é correspondido por Julieta, uma donzela que pertence a uma família rival. No entanto, este amor profundo terá trágicas consequências.
Definitivamente, uma história clássica de um amor proibido entre um homem e uma mulher. (ainda não assisti, mas estou doida atrás desse filme, provavelmente vou comprar rs)




Nesta versão para os dias de hoje (1996) da peça de Shakespeare o cenário é Verona Beach. Os Capuleto e os Montéquio, duas famílias que sempre se odiaram, têm rixas sem cessar, mas isto não impede que Romeu (Leonardo DiCaprio), um Montéquio, se apaixone pela bela Julieta (Claire Danes), uma Capuleto. Entretanto, uma apresentadora de televisão anuncia que este amor profundo acabará gerando trágicas consequenciais, em virtude desta insana rivalidade familiar. (minha favorita, Leonardo DiCaprio arrancava meus suspiros nessa época rs)
Nessa versão a aliança/anel/símbolo do amor deles é a coisa mais linda, que vem com uma escrita perfeita "I love thee" (Eu te amo - sonho de consumo de todos os amantes dessa releitura...EU QUEROOOOO!).

I Love Thee






Romeu e Julieta é um filme britânico de 2013, do gênero drama, baseado na obra homônima de William Shakespeare. O filme foi estrelado por Douglas Booth e Hailee Steinfeld, no papel dos protagonistas, e com a participação de Ed Westwick, Stellan Skarsgård e Paul Giamatti. Essa versão também garante algumas falas floreadas e assim como a adaptação de Franco Zeffirelli, o filme se passa na cidade renascentista de Verona, Isto atraiu consideráveis controvérsias. Muitos críticos o acusaram de desprezar a essência da peça original. (assisti, gostei, porém não sei dizer se foi a "febre Leonardo DiCaprio" eu ainda prefiro a versão de 1996, mesmo no elenco tendo meu eterno Chuck Bass... Oops  dessa vez Teobaldo).




Além de ser a obra prima teatral, a mais adaptada de todos os tempos... todos sabem o final, isso não é Spoiler tá?!
A cena final é uma das mais belas, trágicas e perfeitas! (eu gosto) Mostra todo o amor que eles sentem, um amor que leva à loucura de não poder viver separados! (tudo bem que eu não faria igual Julieta, mas mesmo assim achei beleza na tragédia)
Por isso eu vou colocar as imagens finais dessas três obras (preciso disso, me julguem rs)

Romeu e Julieta - 1968



Romeu + Julieta - 1996



Romeu e Julieta - 2013


Reparando bem, ou pode ser loucura minha também (bem provável) a adaptação de 2013 quis atores mais "parecidos" com a adaptação de 1968. Será?






4 comentários:

  1. Gosto bastante do filme do Franco Zefirelli, do Di Caprio eu odeio, pois não gosto dele, mas a imagens são muito belas. O filme de 68 eu achei bem fiel a reconstituição de época e tudo, gosto muito dele
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Renata,
      Eu tive uma paixonite aguda pelo DiCaprio na adolescência, bem na época de Romeu + Julieta. Hoje eu não consigo assistir nenhum outro filme que não seja esse, no qual ele esteja atuando. Acho que enjoei dele... mas do Romeu não... estranha eu né?! rs

      Excluir
  2. Eu só não assistir Romeu e Julieta na versão Britânica. Agora, o filme de 1968, eu gosto mais, acho que por ser fiel, contar a história de verdade, parece que são eles realmente (minha impressão), gostei mais. Simplesmente lindo e encantador!!!
    Bjos
    Lú Santana

    ResponderExcluir
  3. Eu não sei, mas a que eu mais gosto é a de 96. Achei LINDO DEMAIS, a de 2013 eu tenho em casa e não gostei muito, apesar de ter falas bem rebuscadas e tal, não sei, os atores não me convenceram muito.

    beijos

    eraumavezlivrosecia.blogspot.com.br

    ResponderExcluir