{Resenha} A Lista de Cecelia Ahern

Kitty Logan tem 32 anos e aos poucos está perdendo tudo o que conquistou: sua carreira está arruinada; seu namorado a deixou sem um motivo aparente; seu melhor amigo está decepcionado com ela; e o principal: sua confidente e mentora está gravemente doente.
Antes de morrer, Constance deixa um mistério nas mãos de Kitty que pode ser a chave para sua mudança de vida: uma relação de nomes de pessoas desconhecidas. É com base neles que Kitty deverá escrever a melhor matéria de sua carreira.
Quando começa a ouvir o que aquelas pessoas têm a dizer, Kitty aos poucos descobre as conexões entre suas histórias de vida e compreende por que foi escolhida para dar voz a elas.

Novo Conceito * 2015 * 380 páginas * Classificação 4/5



Cem nomes. Cem segredos. E uma única ligação.
Um erro. Uma mentira. E várias vidas destruídas.

Kitty Logan está vivendo o pior momento de sua vida.
Por causa de uma reportagem ela destruiu a vida de um homem e destruiu a sua própria.
Agora ela perdeu sua credibilidade, um de seus empregos, o respeito e a confiança das pessoas, seu namorado, e está prestes a perder sua melhor amiga.

Constance sempre foi amiga e protetora de Kitty, mas agora ela esta em estado terminal no hospital.
Com pouco tempo de vida, ela confidencia a Kitty uma reportagem que gostaria de ter feito e não teve tempo. Tudo o que ela diz a Kitty é que ela irá encontrar o que precisa em um envelope.
Mas antes que Kitty possa entender do que se trata, Constance vem a falecer.
E agora tudo o que Kitty tem em mãos é uma lista. Uma lista com cem nomes que ela não consegue entender que relação possam ter entre si.

Desacreditada por todos em seu trabalho na revista de Constance, Kitty recebe uma chance. Essa matéria é tudo o que ela tem, para tentar dar um pouco mais de credibilidade a si mesma.

Com uma rotina nada fácil, com pouco dinheiro, ataques ao apartamento onde mora, e quase sem amigos. Kitty tem duas semanas para preparar a matéria.
Mas como encontrar cem desconhecidos em duas semanas? Como descobrir que ligação tem essas cem pessoas?

Aos poucos Kitty consegue entrar em contato com algumas pessoas, mas o que era para ajuda-la a desvendar o mistério que cerca a lista, a deixa ainda mais confusa e sem compreender que relação esses nomes tem.

Conforme vamos conhecendo os novos personagens, vamos nos sentindo mais ligados a suas histórias. Criamos um elo com todos e apesar do mistério em torno de suas vidas, a cada momento nos sentimos mais próximos deles e de Kitty também.
Kitty amadurece muito no decorrer da história. Ela vai perceber que havia se transformado em uma pessoa egoísta, e quem consegue abrir seus olhos é seu único outro amigo, Steve. Ele em nenhum momento tem medo de falar as verdades que ela precisa ouvir, mesmo que algumas vezes ele pareça um pouco cruel, mas sempre dizendo tudo o que ela precisava mesmo ouvir.

Archie, Birdie, Eva, Ambrose, Mary-Rose e Jedrek são os outros personagens que tornam essa história tão bela.
E conhecer suas histórias nos leva a uma montanha russa de emoções. Mas quando os conhecemos mais profundamente, a sensação que temos é de que estamos fazendo novos amigos, sensação essa que logo Kitty também sentira desabrochar em seu coração.

Foi uma história de que gostei muito, alguns momentos foram de intensa emoção. Mas em alguns momentos infelizmente a leitura pouco fluía. Isso se deve ao fato da história dos personagens ser contada de forma gradativa, calma, explorando os sentimentos e as sensações vividas por todos eles. Mas em nenhum momento isso se torna um empecilho. Afinal o mistério em torno de todos esses personagens é o que nos conquista do começo ao fim nesse enredo.

Eu esperava um pouco mais dessa “busca” pelos cem nomes da lista, achei que seria algo mais dinâmico, mais instigante por assim dizer, e pouco fui surpreendida nesse quesito.
Mas quando comecei a desconfiar de qual seria a ligação entre os nomes, e quando minhas suspeitas foram sendo esclarecidas e comprovadas, toda a decepção ficou para trás.
Conforme a verdade vem a tona e todo o mistério vai sendo esclarecido vamos descobrindo toda a beleza por detrás dessas vidas. E quando chegamos ao final somos arrebatados por toda a verdade que cerca os personagens, mas que nos cerca também.

A mensagem embutida nesse livro é maravilhosa, quem dera pudéssemos aprender com ela.
E pudéssemos valorizar tanto o que ali nos foi ensinado.

Com certeza super indico. Mas como disse não esperem uma história fluida, que se desenvolva rapidamente. Essa história é leve e para ser lida e apreciada lentamente. 


Beijosss



4 comentários:

  1. Eu achei essa capa linda, simples mas me encantou. Vai continuar na minha lista de livro que quero, mas não vai ser prioridade, tenho dificuldade com leitura que não flui bem, acabo abandonando. Mas, como sempre a sua narrativa da historia não faz com que deixe de me interessar pelo livro.
    Bjos

    Lú Santana

    ResponderExcluir
  2. Oi Fer!!
    Já li tantas resenhas sobre esse livro o que só aumenta minha vontade de ler. Gosto bastante da escrita da Cecelia e espero me surpreender mais uma vez!!
    Adorei a resenha :D
    Beijos,

    http://versosenotas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Ai Fer, estou meio irritada com essa autora! Sério, todos os livros que leio dela me deixam com pulga atrás da orelha e estou lendo Simplesmente acontece e já estou prevendo o final¬¬

    Mas como sempre, sua resenha foi perfeita <3

    eraumavezlivrosecia.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Ai Fer, estou meio irritada com essa autora! Sério, todos os livros que leio dela me deixam com pulga atrás da orelha e estou lendo Simplesmente acontece e já estou prevendo o final¬¬

    Mas como sempre, sua resenha foi perfeita <3

    eraumavezlivrosecia.blogspot.com.br

    ResponderExcluir