Gincana Literária Nacional - Metas Cumpridas


Oi pessoal.

A Gincana acabou e muitos livros nacionais lindos foram lidos. Eu vim aqui para falar para vocês como foi a minha meta.

Eu disse que ia tentar ler 4 livros nacionais e cumpri com o meu acordo, e ainda consegui ler mais um, o que me deixou muito feliz.

Vamos ver então como foi minha meta?!

Primeiro livro lido da meta: Bem eu li o livro pelo Wattpad, e foi através da parceria com a autora que conheci o livro. E posso dizer que foi uma leitura que me surpreendeu demais. Bem confesso que quando comecei a leitura, pensei que seria um livro que não fugiria do clichê, e ficaria no mais do mesmo. Um CEO rico, uma menina um pouco indefesa e por aí vocês imaginam o resto certo? ERRADO. A autora me surpreendeu totalmente com um enredo inovador e com ingredientes perfeitos: Suspense, um pouco de ação, romance, amizades, drama (muito drama) e doses lindas de lição de vida. Com certeza foi um livro que me encantou e mexeu demais comigo. Agora é torcer para que venha o livro físico, porque eu quero e quero muito ele na minha estante.



Mais um livro lido e adorado. Foi um mês com certeza de boas leituras, realmente parece que escolhi a dedo. Uma história de época bem diferente das convencionais, com um leve toque de mistério que nos deixa curiosos e ansiosos do começo ao fim. Personagens determinados, alguns com mais coragem e outros com mais medo de enfrentar o desconhecido, mas nem por isso que não conquistaram meu coração. Aqui fasso a ressalva para uma das cenas mais lindas de amor que li. Fiquei encantada com a primeira noite de amor dos personagens. 




Uma história bem clichê (por favor fãs não me matem) estou sendo sincera, foi o que eu achei. As batidas é aquele livro que sabemos seu começo e seu final, mas o segredo, o que nos prende, o que nos cativa, podemos dizer que é exatamente esse "meio", é o desenrolar da trama, é como ela irá se dar, como os personagens enfrentarão seus problemas é o ápice da história, então posso dizer: Esse livro acabou comigo e se tornou um querido. Eu fui tocada, e tocada profundamente. Lidar com os problemas que os personagens enfrentam é difícil, é doloroso, nosso coração fica dividido e em muitos momentos refletimos: - E se fosse comigo?
Não é fácil, passar pelo que eles passaram não é fácil, não mesmo. E trazer isso para a nossa realidade é ainda mais dolorido. Quantos não sofrem do mesmo mal? Quantos não estão nessa luta e o caminho é árduo? Terminei essa história muito emocionada e com a certeza de que Bianca sabe para que veio. 

Esse livro não possui resenha minha, pois ele já possui resenha no blog da Van e da Ana, então confiram a RESENHA.


Esse livro não estava na minha meta. Eu recebi ele com a parceria linda que tenho com a Qualis e quando eu fiz minha meta, ainda não havia recebido. Mas como estava muito ansiosa com a leitura e sabia que dava tempo, acabei passando ele na frente do último livro e claro, sim, também por ser de parceria e eu gosto de manter meu trabalho com meus parceiros sempre em dia!
E que presente. Eu amo livros que me fazem refletir em circunstâncias que normalmente nos fazem "julgar" determinado acontecimento.
Fui surpreendida por uma história com muita emoção, drama, problemas familiares, romance e muita, muita dose de realidade. Mais um livro que nos faz pensar no "e se fosse comigo?" como eu me comportaria? O que eu faria? E esses questionamentos valem para todos os personagens. Não é fácil estar na pele de nenhum deles, e com certeza foi uma leitura muito especial.



Mais um livro com "dramas familiares" e muitas doses de realidade. Bem vocês já perceberam que eu amo livros assim né? Sim, eu tenho uma queda por histórias que tragam questões familiares, sociais e de "enfrentamento" sabe?
E aqui foi assim. Fico com medo de falar muito e soltar spoiler. Mas uma história que fala sobre dois casamentos. Os dois fadados ao fracasso. Um deles o marido, bem, digamos que não tem mesmo mais solução, e gente nada contra, mas imagina estar na pele Raquel? Complicado demais, ela com certeza precisou ser muito mulher e seguir em frente.
Já André com sua esposa Juli (a quem ainda tenho o instinto de matar) sofrem problemas mais "rotineiros", mas André é tão fofo que a vontade que dá é de dar um tiro em Juli e consolá-lo. Esses dois personagens que estão com suas vidas abaladas, irão se reencontrar, mas dai a ficar juntos é outra história. Mais um enredo que eu gostei muito e novamente por suas altas doses de realidade. A escrita da autora é bem leve e flui rapidamente. O final me deixou no começo meio "incomodada" foi como eu esperava, mas não como achei que seria ao decorrer da história. Meio complicado né? Só lendo para entender rs. Mas sim foi uma leitura que também me agradou. 



Bem como vocês podem ver para mim foi um mês ótimo. Com leituras maravilhosas e diferentes entre si, o que me trouxe sentimentos muito bons.
Amo quando gosto de tudo o que leio no mês. Claro que cada livro desperta uma sensação, um sentimento. Cada um deles nos traz uma mensagem, ou vem simplesmente divertir. Mas o importante é que as leituras nos agradem e nos completem de alguma forma e essas cumpriram seus lindos papéis rs.

E como foi a leitura de vocês.

Beijosss




1 comentários:

  1. Fer, fico feliz que tenha cumprido a sua meta e até foi a mais! A minha não foi cumprida totalmente, acho que tenho um problema, por dizer que iria ler aqueles me pareceu uma obrigação, aí não conseguir ler todos, mas aí li outros livros mas só nacionais, acredito que esteja valendo, afinal era para valorizar a literatura nacional.
    Bjos
    Lú Santana

    ResponderExcluir