{RESENHA} FRAGMENTADOS - NEAL SHUSTERMAN



Estou escrevendo está resenha, depois de minutos que eu terminei de ler Fragmentados.
Então minhas emoções estão a flor da pele. Lembro quando eu escolhi esse livro, não tinha certeza que seria uma boa leitura, quando comecei a ler o livro achei meio esquisito. Agora no final do livro, minha vontade é de abraçar o escritor e a editora por me proporcionar uma leitura tão incrível que eu tive.

Sabe quando você lê um livro distópico você nunca sabe como vai terminar a estória você não tem noção que rumo os personagens vão tomar, então sempre fica um pequeno aperto no coração, mas posso dizer que o escritor respeitou cada personagem.
O escritor faz a gente pensar misturando situações reais como a religião, casamento entre homossexuais, alguns artigos que aconteceram mesmo no nosso mundo.

O enredo vai sendo desenvolvido através de 3 personagens:

Connor: O tipico adolescente rebelde que cabula as aulas, sempre está envolvido com brigas, o famoso bad boy.

Connor sabe isso se encaixa perfeitamente na imagem que Lev faz dele - a de um delinquente. Ótimo, ele que pense isso. Provavelmente tem razão.

Lev: Um garoto de 13 anos, está sendo dizimado pelo seus pais para Fragmentação. E sua inocência e a maneira como ele foi iludido, faz o Lev, mas depois ele aprende.

- Bom... eu andei sentindo ciumes dos meus irmão e irmãs. Fico pensando em como o time de baseball vai sentir a minha falta. Sei que é uma honra e uma benção ser um dizimo, mas não consigo parar de perguntar por que eu.

Rasi: Uma jovem órfã, uma pianista muito dedicada, com uma inteligência, que sabe ser amiga e ajudar, tem um coração grande mesmo que não aparenta.

Ela faz o instrumento cantar.. e então o dedo indicador esquerdo tropeça em um si bemol, escorregando desajeitadamente para um bequadro.
Um erro.

Eles estão destinados ir para a Fragmentação.

No começo você conhece 3 personagens Connor, Lev, Rasi, e eu conhecendo os personagens logo de inicio e entende o a sociedade que vivem, acredito eu o que me deu uma estranheza do inicio do livro é sobre a realidade de Lev.

O que é a Fragmentação?

É basicamente desmembrar você todo e reutilizar (se assim posso dizer) em outras pessoas, parece doação de órgãos.

Quem vai para a Fragmentação?

Pessoas que o governo diz que não serve, que não é útil para a sociedade, e geralmente os fragmentados são entre 13 aos até 18 anos. E essas pessoas que vão para Fragmentação (para ser bem mais claro) estão bem vivos, (alguns) estão bem de saúde, mas mesmo assim não serve mais como cidadão.  Foi uma lei criada se chamando "Lei da Vida"



O que eu aprendi com essa leitura?

1- Vou reler esse livro com toda a certeza.

2- Ele tem um espeço vitalicio na minha estante.

3- Pensar, é um livro que faz você refletir, acredito que todos livros distópicos tem essa função. 
Faz pensar e ver como a vida é frágil, e como nos somos frágeis, é um livro que você quer conversar com outra pessoa que já leu o livro, e refletir.

Tudo isso que eu falei é spoiler? NÃO, fique tranquilo que logo no começo eles passam todas essas informações, é claro que também mais no livro falando sobre essa sociedade distópica, mas deixo você na curiosidade para ler.



Preciso elogiar a Editora Novo Conceito, pela a diagramação do livro, a capa depois que a gente lê o livro você percebe que é perfeita, a tradução de Camila Fernandez, e é claro por ultimo mas não é de jeito nenhum o menos importante Neal Shusterman, que escreveu uma historia maravilhosa, ele desenvolveu tudo brilhantemente, tudo encaixando e perfeito.

E eu preciso dizer que eu recomendo bastante MUITOO. O final é tão lindo e surpreendente, eu chorei, eu adorei.

E antes de terminar, se você como eu acreditou que Fragmentados é um livro único e não tem continuação... Pode ficar feliz junto comigo, o livro tem continuação então eu estou esperando ansiosamente a publicação do próximo livro.



E você já leu? Não? Sim? Comente e deixe sua opinião do que achou do livro.

Beijos até a próxima
Ceci

1 comentários:

  1. Acredito que essa foi a primeira resenha que li desse livro, estava mega curiosa, gostei dos pontos que vc citou e do destaque para reflexão que o livro propõe. Bom saber que é uma quadrilogia, já que segundo sua opinião a história é bem desenvolvida. Assim que possível pretendo investir em mais essa série!!! Enfim valeu pela dica de leitura!!!

    Leituras, vida e paixões!!!!

    ResponderExcluir