{Resenhas} Simplesmente Complicado e É Complicado, Simples Assim de Sinéia Rangel

Alícia é uma adolescente vivendo as confusões de estar apaixonada. Depois de seis meses vivendo em outra cidade, Alícia está de férias na sua cidade natal. E o reencontro com o seu melhor amigo, o Pedro, por quem é apaixonada, promete despertar muitas emoções. Seu coração está em apuros. Será esse o ponto final deste romance que nunca aconteceu?




Alícia e Pedro. Pode a amizade se transformar em algo mais?

Alícia sempre foi apaixonada por um dos seus melhores amigos. Sempre esteve ao lado dele acompanhando todas as suas ficadas e sofrendo em silêncio.

Quando retorna a cidade para uma visita, a esperança de que algo possa mudar toma conta novamente dela.

Pedro é aquele amigo lindo, fofo, e que toda garota adoraria ter. Na verdade é aquele amigo que se qualquer garota tivesse, iria adorar que não fossem só amigos, rs.
Ele é lindo, é doce, é gentil e eu ficaria uma vida enumerando todas as suas qualidades.
E por mais que Pedro já tenha passado por uma fase “galinhando por aí”, tudo o que ele mais deseja, é a sua coisinha pequena.
Ele não vê mais Alícia como amiga, ele a deseja, ele a quer, ele a ama profundamente. Mas ele tem medo disso estragar a linda amizade que sempre viveram. Mais do que isso, ele tem medo de não ser correspondido e esse ser mais um motivo para que eles se afastem.

Em meio a muitos “sei, não sei”, o que será que ela sente? O que será que ele sente? E muitas confusões, esses dois vão descobrir que ninguém manda no coração, e que suposições nada tem a ver com o que realmente sentimos e que não temos o poder de saber o que vai no coração do outro e mais ainda, o medo de não tentar pode impedir nossa verdadeira felicidade.

Poderão então esses dois corações se amarem? Um amor que vai além da amizade? Mesmo quando um deles está disposto a seguir em frente?

Gente que história mais lindinha. Sério eu amei. Quando iniciei essa leitura no wattpad não esperava muita coisa, mesmo, mas poxa me cativou, e muito.

Eu amei a Alícia e o Pedro desde o começo, os dois são tão lindos, e tudo o que queremos é vê-los juntos. Eles são lindos. Meu coração é #Pelicia.

Super fofo essa “relação amizade/amor” deles, que vai, não vai, eu gosto, ele não gosta kkk. Típico dos corações jovens e inseguros. Quem nunca passou por isso?
Quem aqui na adolescência não se apaixonou por um “amigo” e ficava: - Ai mas ele não gosta de mim, mesmo que todos os astros dissessem o contrário.
Ou ainda: - Ai mas se não der certo a amizade acaba?

Ai gente, vamos parar com isso. Vamos viver, beijar e ser feliz. Tanta coisa pode acontecer, tanta coisa pode NÃO acontecer. Se deixarmos o medo do que pode OU NÃO acontecer, nos impedir de tentar, quantas coisas estaremos deixando de aproveitar, viver e ser feliz?

Foi lindo acompanhar a história desses dois e ver que caminho eles seguiriam.

A Alícia em alguns momentos, fala sério, da vontade de dar uns bons safanões nela, mas nós mulheres sempre somos mesmo um problema sério né? Nem o mais competente terapeuta consegue nos entender kkkk.

Já o Pedro, aiiiii (suspiros eternos), como já sou muito velha para ele, eu aceito um Pedro para uma possível filha minha kkkk.
Gente ele é tudo de lindo. Sabe aquele rapaz que realmente deve ser o sonho de qualquer mãe para a filha? Pois é, é ele. Ele é educado, companheiro, amigo, gentil, enfim, difícil enumerar todas as suas qualidades.

Então só me resta dizer que eu amei demais a história e que com certeza eu super indico, principalmente para quem ama romances jovens super fofos. 



Sonhos, expectativas, cinco meses de namoro à distância e muitas inseguranças fazem companhia a Alícia nessa nova etapa da sua vida. Deixar a casa dos pais não é fácil, mas quando é para morar na mesma cidade que o namorado e ainda de quebra dividir o apartamento com a melhor amiga pode ser uma grande aventura. Contudo nem tudo são flores no universo "quase" adulto de Alícia, e ela vai ter que encarar as lágrimas e sorrisos de uma viagem em busca de si mesma. Boa sorte, Alícia!

LEIA NO WATTPAD

Contém Spoiler do livro um Simplesmente Complicado


Parece que vencer as barreiras de amor e amizade não era apenas o começo das dúvidas de Alícia e Pedro. Nem dos problemas.

Agora que eles superaram os medos de engatar nesse relacionamento e perder a amizade.
Eles vão ter que enfrentar outros problemas.

Nem sempre amadurecer é uma tarefa fácil, e quando percebemos que juntos vem a responsabilidade da vida de outra pessoa, fica ainda mais complicado.

Quantos de nós estaríamos dispostos a sacrificar nossa vida em nome de um grande amor?
Quantos de nós estaria disposto a abrir mão de muitas coisas em nome do outro?
Pode nossa felicidade estar nas mãos de outra pessoa?
Seria essa uma responsabilidade muito grande?

Pedro e Alícia agora terão que enfrentar os problemas do mundo real, ou dos adultos como queiram chamar rs. E nesse caminho infelizmente nem tudo será flores.

Alícia está insegura, ela conquistou o grande amor da sua vida, mas sente que nessa conquista muita coisa pode não sair como ela planejava, ou acha que é o certo.

Muitas dúvidas ainda permeiam seu coração.
De quantos sonhos devemos abrir mão em nome do amor?
Ela não quer ver seu relacionamento, nem o coração de algum de ambos destruído. Mas para isso a decisão a ser tomada com certeza não trará menos dores.

Pronto gente parei. Acho melhor não falar muito sobre a continuação dessa história, que assim como o primeiro livro me encantou, mas aqui partiu meu lindo coração em alguns pedaços.
Tanto que torci, tanto que fiz festa por eles... rs.
O mais incrível no livro dois foi acompanhar exatamente o amadurecimento desses personagens.
Alícia, confesso me surpreendeu. Em um primeiro momento foi difícil, MUITO difícil aceitar a decisão dela. Quer dizer eu até aceitei rs, quem não aceitou muito bem foi Pedro. E nossa meu coração se partiu junto com o dele.

Mas sinceramente? Acho que ela tomou a atitude certa, mesmo que isso trouxesse muitos sofrimentos para ambos.
Acho que em alguns momentos de nossa vida precisamos mesmo parar, refletir e pensar sim um pouco no futuro e ver o quanto será que ele poderá exigir de nós lá na frente.

Entre risos, lágrimas, muitos erros e acertos, aprendemos demais com esses personagens.
Não foi fácil sofrer com Pedro. Temer com Alícia, enfrentar a vida com Chris e João. Mas com certeza viver a história desses personagens ao lado deles foi de uma alegria gratificante.

Mais uma vez a autora cria uma história doce e envolvente.
A história é muito fluida e quando começamos fica difícil parar até chegar ao seu final, e claro o final não poderia ser mais lindo.

A mensagem?
Amadurecer nunca é fácil, provavelmente no meio desse processo alguns pedaços de vários corações fiquem pela estrada, mas nos pedaços que caírem com certeza, vamos preencher com vários momentos que ainda temos para viver.
E no final? Tudo sempre valeu a pena.

Então acompanhem a história no Wattpad, e depois desses dois livros ainda tem mais rs.


Post válido para o TOP comentarista Novembro

4 comentários:

  1. Duas leituras leves e teen, o tipo de livro sem complexidade que você lê para se identificar, para relaxar e se divertir. Gostei! :)

    ResponderExcluir
  2. Fer, muito legal você falar da suas leituras no wattpad, também gosto de lê por lá e suas indicações são sempre muito boas, já adicionei a minha biblioteca esses dois livros. Depois te falo o que achei deles.
    Beijos
    Lú Santana

    ResponderExcluir
  3. Ótimos livros e uma escritora excelente! Estou apaixonada pelo Pedro <3 #pelicia

    ResponderExcluir
  4. li so a primeira resenha...mas adorei..as inseguranças de adolescente...e a primeira paixao....parece um livro muito divertido....obg pela dica...bjs...

    ResponderExcluir