{Resenha} O Lado Feio do Amor de Colleen Hoover

Quando Tate Collins se muda para o apartamento de seu irmão, Corbin, a fim de se dedicar ao mestrado em enfermagem, não imaginava conhecer o lado feio do amor. Um relacionamento onde companheirismo e cumplicidade não são prioridades. E o sexo parece ser o único objetivo. Mas Miles Archer, piloto de avião, vizinho e melhor amigo de Corbin, sabe ser persuasivo... apesar da armadura emocional que usa para esconder um passado de dor.O que Miles e Tate sentem não é amor à primeira vista, mas uma atração incontrolável. Em pouco tempo não conseguem mais resistir e se entregam ao desejo. O rapaz impõe duas regras: sem perguntas sobre o passado e sem esperanças para o futuro. Será um relacionamento casual. Eles têm a sintonia perfeita. Tate prometeu não se apaixonar. Mas vai descobrir que nenhuma regra é capaz de controlar o amor e o desejo.

Galera Record * 2015 * 336 Páginas * Classificação 5/5




Você acredita que exista um lado feio do amor?
Miles sim. Na verdade ele só acredita que exista o lado feio do amor. Ele não acredita que exista um outro lado. Pelo menos não acredita mais.


Tate não esperava ter sua vida virada de ponta cabeça quando resolveu ir morar por um tempo com seu irmão.
Logo na sua chegada ela precisa lidar com a desagradável situação de lidar com um bêbado parado justamente na porta do apartamento do seu irmão, e o que é pior ela terá que lidar com ele sozinha.
Mas como azar é pouco ela descobre que o babaca bêbado é amigo do seu irmão, e esse pede que ela o ajude a entrar no apartamento até o dia seguinte.

Acordar com aquele ser a observando também não estava nos planos e encarar que ele mexe com seus nervos também não era algo com que Tate quisesse lidar.

Mas se manter afastada de Miles parece uma tarefa nada fácil, o que ela não sabia era que também iria aprender sobre o lado feio do amor.

Miles é alguém pela metade. Em algum lugar do passado seu coração se despedaçou, deixando pedaços que são impossíveis de serem recuperados novamente.
Ele não liga, só não quer amar e ser amado. Suas regras são claras, não pergunte sobre o passado e não espere um futuro.
Tate entende muito bem as regras, mas que mal pode haver em um pouco de sexo casual. E além do mais as pessoas mudam. Ela acredita fervorosamente nisso.

“Às vezes seguir em frente é... a única maneira de seguir em frente.”

Mais uma vez ela não sabia o quanto estaria enganada. Pessoas inteiras podem mudar. Pessoas quebradas como Miles não mudam nunca.
Pessoas como Miles não se apaixonam, não amam e após o sexo apontam a saída mais próxima.

Miles conheceu o lado feio do amor. Agora apresentou esse lado para Tate.

Quanto tempo pode durar uma relação mantida só a base de sexo?
Principalmente quando um dos lados quebra a regra e acaba se apaixonando?


Um triângulo amoroso que é diferente de tudo o que já vimos
O triângulo amoroso entre passado e presente. Entre dores vividas e o medo de novas dores.

Como deixar uma dor onde ela aconteceu? Como esquecer o passado e viver o presente sem temer o futuro?

Miles é diferente de todo personagem masculino que nos vimos, ele com certeza viveu um dos lados mais feios que podem existir do amor, e ai ao invés dele sair catando todas as mulheres ele se fechou. O seu medo de amar outra vez e descobrir somente todo o lado feio novamente apavora sua vida. E conseguimos sentir seu pavor e lamentar por ele.
Afinal ter medo de amar como ele tem, deve ser algo tão doloroso quanto sentir seu coração parando aos poucos, ou algo como sentir que seu pulmão está ficando sem ar e não a nada que você possa fazer.

É incontrolável, é doloroso é fatal!

“Algumas pessoas... ficam mais sábias quando envelhecem. Infelizmente, a maioria apenas envelhece.”

É impossível não se apaixonar por ele, mesmo que em alguns momentos seus atos sejam considerados desprezíveis. Ele acha que é o único que enfrentou o lado feio do amor. Mas sinceramente? Acho que Tate pode viver muito disso também. E logo foi ele a lhe ensinar o que parece ainda mais injusto.
O amor deve ter muitos, muitos lados feios, várias faces que nos assombrariam, e com certeza Tate teve sua cota de lados feios, mas ela permaneceu ali.

Eu odiei Raquel. Senti a sua dor. Mas mesmo assim não consegui compreende-la. Sei que deveria, espero jamais sentir a dor dela, mas acho que não tem crime pior do que você matar uma pessoa, mas ainda assim a deixar viva, e foi o que ela fez com Miles. Que bom que o coração dele apesar de tudo ainda consegue ser melhor do que o meu, essa é que é a verdade.

O Lado Feio do Amor é uma história pura, real e que em toda sua simplicidade nos mostra que todos nós podemos ter dois lados vivendo dentro de nós, o lado bonito e o lado feio. Qual lado viver, qual lado deixar que chegue até as outras pessoas é uma escolha de cada um de nós.

Com certeza muitas pessoas já sentiram na pele os vários lados feios que o amor deve ter. Como cada uma sobreviveu e seguiu em frente sempre será uma incógnita para cada um de nós.

Mas a lição que fica é a de que se existe o lado feio, com certeza existe o belo, e esse está sempre ali, esperando uma brecha para entrar em nossos corações e colar todos os caquinhos que restaram.
Claro que um coração despedaçado nunca mais será o mesmo. Mas suas feridas, suas cicatrizes devem ser o suficientes para provar que se ele ainda, apesar de tudo, pode se reerguer, todos nós podemos, e descobrindo o lado belo do amor, seguir em frente, deixar o milagre chegar a nossa vida é o melhor a ser feito. Afinal a chance de ser feliz pode não bater mais de uma vez em nossa porta.

Com certeza O Lado Feio do Amor é uma história que passa dos limites do clichê e promete tocar o coração de várias formas.
Vivenciar a dor na maioria das vezes faz parte de nos tornar pessoas mais capazes de viver o belo em toda sua plenitude, já que na maior parte das vezes não sabemos apreciar todos os momentos lindos e cheios de amor que temos a chance de viver.
Essa história é um brinde a tudo o que podemos ter em nossas vidas e na maior parte do tempo não sabemos valorizar.

Desejo que todos possam apreciar essa bela leitura, e indico a todos que de preferência estejam com seu coração aberto para sentir e aprender com o lado feio do amor. Mas, mais ainda, acreditar sempre que o lado belo supera todos os outros lados. Cabe a nós escolher o que queremos manter em nosso coração e em nossa vida.


O único ponto negativo do livro é sua diagramação, por ser da editora Record eu esperava um livro com sua estrutura melhor. O livro tem as páginas off-set, parecendo aquelas versões econômicas onde precisamos segurar o livre realmente com mais firmeza para manter suas  páginas abertas, e isso não me incomoda geralmente, mas vindo de uma editora como a Record, achei um deslize muito grande. 

Espero que gostem e sintam essa história de forma plena.

Beijoss


7 comentários:

  1. Oi Nanda, esse livro já está na minha lista de leitura a muito tempo ele parece ser romântico eu não conhecia esse autora e como sempre sua resenha está ótima bjs.

    ResponderExcluir
  2. Ainnnn Fer, que resenha mega maravilhosa! Afinal de contas, essa foi uma das minhas leituras prediletas em 2015. Tanto que o li por duas vezes. S2 Você conseguiu passar na resenha tudo que penso e senti com a leitura, a não ser pelo lado da Rachel, pois pude compreender os seus atos, mesmo me revoltando em certo ponto. Por fim, este livro é sensacional! Deu até vontade de lê-lo de novo. Agora é aguardar essa lindeza nas telonas. Espero que eles consigam transmitir a carga dramática da trama assim como no livro.

    Abraços literários,

    Si

    http://simonepesci.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Amei a resenha, e conseguiu me convencer a querer ler, pois antes não tinha muito interesse. Gosto de quando tem triangulos amorosos e por esse ser diferente fiquei bem curiosa. Linda a capa.

    ResponderExcluir
  4. Sempre me interesso p/ ler os livros da Colleen, e quero começar lendo esse, que parece fugir dos clichês, com uma história encantadora e cativante. Abraços, adorei a resenha.

    ResponderExcluir
  5. Quero muito ler esse livro antes do filme.
    Já viram o trailer?
    Serei obrigada a ler.

    ResponderExcluir
  6. Oi!
    quero muito ler O Lado Feio do Amor a resenha me deixou muito interessada e adorei esse triangulo amoroso diferente, a historia me conquistou e me deixou muito curiosa para descobrir como vai acabar essa historia do Miles e da Tate !!

    ResponderExcluir
  7. Eu acho o nome desse livro lindo, mas não me interesso TANTO assim, mesmo que falem bem dele e da autora. Sua resenha ficou super positiva!

    Beijos

    ResponderExcluir