{Resenha} Meu Romeu e Minha Julieta de Leisa Rayven

Para quem me conhece, com certeza não é novidade eu me atrair por histórias que tem ao menos uma leve ligação com Romeu & Julieta.
E quando fui “apresentada” ao livro Meu Romeu, já queria desesperadamente ler. Mas fui avisada que teria continuação. Então me segurei, foi difícil, mas quando eu estava com os dois livros em mãos, a leitura deslanchou e essa resenha será dupla. Meu Romeu e Minha Julieta aparecerão por aqui.


Cassie está prestes a realizar o grande sonho: estrelar um espetáculo na Broadway. O que ela não esperava era ter que enfrentar o reencontro com o ex-namorado, que será novamente protagonista ao seu lado, em uma peça cheia de romance e cenas quentes. Trabalhar com Ethan traz o passado à tona, e lembra a Cassie que o que existe entre eles vai muito além de simples química.





Globo Alt * 2015 * 407 Páginas * Classificação 5/5

Meu Romeu começa como um clichê, a garota “bobinha” que se apaixona pelo “bonitão problemático”. Mas não é bem assim.
São dois aspirantes a atores, tentando uma vaga na Grove, reconhecida escola de teatro. Cassie e Ethan já se conhecem desde o primeiro dia de audições. E como eu disse no começo a garota “bobinha”, não tem muita coisa de boba. Ela é uma jovem que é normal, nada exagerado para o popular e nem exagerado para o nerd. Ele realmente é o bonitão problemático da história.
O mundo dos dois começa bem por aí, mas não se enganem Leisa Rayven, consegue criar uma história paralela entre o passado e o presente.
Deixando bem claro desde o início a química entre nossos protagonistas na primeira peça que eles realizam juntos, como Romeu e Julieta.

“Mas é só uma encenação.
Ele é um ator.
E é muito, muito bom.”


Ethan é a grande paixão de Cassie, mas ele não se abre. Na mente de Cassie, ele é muito para ela, mas ao mesmo tempo, com toda a tensão sexual entre eles, ela já não sabe de mais nada.
Eles logo começam a namorar, mas o conceito de namoro de Ethan é bem diferente dela. E nessa ida e vinda entre o passado ( quando eles estavam estudando) e o agora, quando Ethan volta para fazerem uma peça juntos. Sim! Ele volta diferente e pedindo outra chance para nossa querida Julieta, depois de três longos anos tentando esquecê-lo.



A narrativa me surpreendeu, a história também, pois o diferente de Ethan é diferente mesmo, ele volta calmo, sereno e você fica na pele de Cassie Taylor, não sabe se confia. Pois não foi uma decepção que ela teve com ele durante a estadia em Grove e sim duas, quando ela começa a se recuperar, criar barreiras “sólidas” ele aparece e cria pequenas rachaduras que mostram que essas barreiras não são sólidas assim.
Estive o tempo toda apaixonada por diversas atitudes de Cassie, e como a narrativa do livro parte dela, Ethan Holt ficou na minha zona de dúvida.
Ele volta disposto a fazer tudo diferente, se propõe a esperar o tempo que for necessário, e essa volta ao passado é o mais esclarecedor, para entender mais o lado dela. E no decorrer você começa a entender ele também, a relação deles, tanto a do passado e a do presente.
Ela está totalmente confusa, quebrada e sem confiança, mas ainda o ama.
E Ethan do seu jeito mais torto também sempre a amou.
Fiquei de queixo caído com dois pontos que a autora soube lidar: com o drama que é pesado, mas é totalmente aceitável e real. E também como ela deixa essa química entre os protagonistas rolar de uma maneira que te prende do começo ao fim.
Fim... que fim desesperador. Ainda bem que eu esperei ter os dois livros na minha estante.





***

Alguns amores nunca te deixam ir ...
Cassie jurou que nunca iria perdoar Ethan por quebrar o coração dela, quando eles estavam juntos anos atrás. Ele era seu grande amor , e quando ele se recusou a amá-la de volta , uma parte dela morreu para sempre ... ou assim ela pensou. Agora ela e Ethan estão compartilhando um palco da Broadway , e ele está determinado a reconquistá-la . Finalmente ele é capaz de dizer todas as coisas que ela precisava ouvir ... mas ela pode acreditar nele? Será que ele realmente mudou , e o que faz com que esta mudança seja diferente de todas as suas outras promessas não cumpridas?
A resposta está em algum lugar do passado, e agora a verdade virá à luz . Cassie voltará a confiar da maneira como ela era antes com Ethan? Ou é tarde demais para estes amantes estrela-cruzados?
Globo Alt * 2015 * 352 Páginas * Classificação 5/5



CONTÉM SPOILER DA RESENHA ACIMA

Juro que ficaria em pedaços, se eu não tivesse "Minha Julieta" para ler logo após fechar "Meu Romeu".
A sequência é exatamente de onde o outro livro parou.
E quando alguém é uma recordação boa e ruim ao mesmo tempo, fica difícil assimilar o que você realmente quer. Nesse enredo, quando você pensa que o livro ficaria cansativo, por ser o mesmo casal, a escritora te revela outros dramas, melhor, revela todos os motivos das "fugas" de Ethan, o que ele passou nesses três anos longe da Cassie. Ela expõe os sentimentos dos dois.
Deixa o livro aberto da vida de cada um e a antes tão forte protagonista, revela o seu medo mais íntimo.
Pior que você torce para o casal ter um final feliz, mesmo com todos os defeitos e tantos caquinhos no chão.

"Durante toda minha vida ouvi as pessoas abusarem da expressão “dor no coração”, mas nunca tinha entendido de verdade o que ela significava, até agora. Quer dizer, como é possível que uma emoção, algo que não tem massa ou forma exceto a que lhe damos, seja capaz de se enroscar em nosso coração feito uma serpente e apertá-lo até fazer doer cada ventrículo e aurícula? Até que o sangue, que não sente nada, arraste arame farpado pelas nossas artérias a cada batida descompassada? Não deveria ser possível."

Querendo ou não, relutante, o leitor acaba se apaixonando pelo casal e se derrete com as cenas de amor.
Cassie é a primeira a lutar contra esse sentimento, procura ajuda, enquanto enfrenta a dificuldade de resistir as cenas de amor que faz parte do roteiro de sucesso em sua atuação com Holt.


Agora mais maduros, aliás, Ethan, mais maduro e Cassie tentando descobrir se precisa ainda de toda a proteção que ela criou contra o que sente.
Às vezes, me peguei falando com o livro, geralmente era xingando Ethan ou mandando Cassie tentar novamente. São dois livros que me apaixonei, que não consegui largar. Leisa Rayven é uma das poucas que conseguiram isso na minha vida. Dois livros assim seguidos? Em menos de uma semana?
E ela com certeza vem para arrasar com seu New Adult Hot. Se preparem! Pois ela deixa um aviso no final do segundo livro.
Agora é a vez de Elissa (irmã de Ethan) e Liam!




Beijos








5 comentários:

  1. Olá!
    Os livros parecem ser legais mas não curto esse tipo de livro hot e dramático!
    atualmente, estou a procura de livros leves e tranquilos!
    bjus

    ResponderExcluir
  2. Bom, eu não curto esse tipo hot sabe, até leio mas me cansa legal....kkkkkk, mas já ouvi gente falando bem
    bjs

    ResponderExcluir
  3. São dois livros que eu quero muito ler!

    ResponderExcluir
  4. Amei a resenha dupla, nossa eu quero muito ler os dois livros, estou vendo muitos elogios por ai, tenho certeza de que vou amar, e como você irei aguardar ter os dois em mãos para poder começar a ler, e devo dizer que fico muito feliz de não termos uma protagonista " "bobinha", pois essas me tiram do sério hahaha.
    Beijos *-*

    ResponderExcluir
  5. Gente, eu amo esses livros, e querendo ou não, não tem como não se apaixonar pelo Ethan <3. Quando li Meu romeu pela primeira vez, também achei que ia ser clichê, mas logo nos primeiros capítulos me peguei completamente envolvida. E que FIM mesmo, ao contrário de você, eu li Meu Romeu quando ainda iam lançar Minha Julieta, e fiquei com aquele gostinho de quero mais. O segundo livro foi uma grata surpresa, gostei muito com a história terminou, ela pareceu real, e já posso dizer que quero o terceiro livro!!

    ResponderExcluir