{TOP 5} Filmes para Solteiros!



TOP 5 + 5... pois eu não consegui me decidir!



Indicação para assistir sozinha ou com os amigos... para rir muito e nada de depressão esse mês (aliás, em nenhum mês...) ok solteiros de plantão?! Filme é filme... e não importa o gosto, escolhi esses para dar boas risadas e também para pensar e repensar no amor por trás de tantas coisas mascaradas... e o principal, não choramingar porque está sozinho e ficar de mi mi mi...
Calma!! Tem solução! Amamos vocês!
E minhas considerações serão em apenas uma (ou mais) frase, depois das sinopses rs.






"Descompensada"

Uma atrapalhada mulher com mais de 30 anos (Amy Schumer) tem uma vida amorosa desastrosa. Sua rotina se resume em casos de uma noite só e beber com os amigos, mas tudo pode mudar quando ela acaba conhecendo um médico desportivo (Bill Hader) que parece ser o "cara ideal".

Acho que qualquer filme com a Amy Schumer tira você daquele dia "bad".







"Namoro ou Liberdade"

Jason (Zac Efron), Daniel (Miles Teller) e Mikey (Michael B. Jordan) são grandes amigos, que estão o tempo todo juntos. Após descobrir a traição de sua esposa, Vera (Jessica Lucas), Mikey passa a morar no apartamento de Jason. Aproveitando a solteirice do amigo, o trio faz um pacto de pegar o maior número possível de mulheres e jamais ter um relacionamento sério. Entretanto, por mais que tente se envolver com outras mulheres, Mikey está decidido a reconquistar a esposa. Em uma ida ao bar, Jason conhece a bela Ellie (Imogen Poots) e, aos poucos, se vê cada vez mais ligado a ela. Já Daniel começa a sentir algo a mais pela amiga Chelsea (Mackenzie Davis).

É uma filme que por trás de toda bobagem, tem algo para pensar, são diversos tipos de relacionamentos através da ótica dos homens.





"O Diário de Bridget Jones"

Bridget Jones (Renée Zellweger) é uma mulher de 32 anos que, em pleno Ano Novo, decide que já está mais do que na hora de tomar o controle de sua própria vida e começar a escrever um diário. Com isso, Bridget começa a escrever o mais provocativo, erótico e histérico livro que já esteve na cabeceira de sua cama, onde ela irá colocar também suas opiniões sobre os mais diversos assuntos de sua nova vida.


Na minha opinião esse deve ser o primeiro, abrir com chave de ouro o mês de Junho.






"Qualquer Gato Vira-Lata"

Tati (Cléo Pires) é apaixonada por seu namorado, o mimado e riquinho Marcelo (Dudu Azevedo), fazia tudo para mantê-lo sobre controle, mas o cara era um mulherengo e eles acabaram dando um tempo. Disposta a reconquistá-lo, ela acaba se oferecendo como "cobaia" para o professor de Biologia Conrado (Malvino Salvador), que defende uma tese polêmica sobre a harmonia entre as conquistas amorosas dos humanos e as atitudes dos animais. No começo, a experiência acaba dando certo, mas na medida que os dias passam, aluna e professor começam a vivenciar um novo momento e pintou um cheiro de romance no ar. Será que vai dar certo?

É um pouco exagerado, mas eu me encontrei um pouco na personalidade da Tati rs







"A Minha Casa Caiu"

Meghan Miles (Elizabeth Banks) é uma repórter que sonha em assumir a função de âncora de um telejornal. E o sonho está prestes a ser realizado. Entretanto, uma louca e romântica noite lhe deixa vagando sozinha pelo centro de Los Angeles, sem telefone, identidade, carro ou dinheiro. Ela possui apenas oito horas para superar todos os problemas e comparecer à uma importante entrevista de emprego, que pode mudar sua vida.

Muito louco, mas ótimo... aos "workaholic" de plantão, super recomendo!!





"Homens são de Marte e é pra lá que eu vou"

Fernanda (Mônica Martelli) é uma organizadora de eventos que passa por diversas desventuras em busca do verdadeiro amor de sua vida. Ela conta com a ajuda dos amigos Aníbal (Luís Salém), que vive um casamento homossexual estável, mas que passa por um momento de crise, e Natalie (Júlia Rabello), uma atriz mal sucedida que está fugindo de qualquer compromisso afetivo.

A personagem Fernanda é a mulher mais real que eu encontrei nesse tipo de filme (comédia romântica).





"A Verdade Nua e Crua"

Abby Richter (Katherine Heigl) é produtora de um programa de televisão competente e conservadora. Com os indíces de audiência caindo, seu chefe tem a ideia de contratar da concorrência Mike Chadway (Gerard Butler) do programa "A Verdade Nua e Crua". Assim, de um hora para outra, a controladora e eterna romântica Abby se vê obrigada a aceitar como colaborador um cara machista, grosseiro e "especialista" em revelar o que - realmente - atrai os homens nas mulheres. Com as relações amorosas em baixa, ela recorre aos "serviços do consultor" para conquistar o vizinho e o resultado obtido acabou sendo além do esperado.

Podem me criticar à vontade com o comentário a seguir: Melhor assistir esse filme dublado, as piadas ficam melhores. Simples assim!






"Ele não está tão afim de Você"

Gigi (Ginnifer Goodwin) é uma romântica incurável, que um dia resolve sair com Conor (Kevin Connolly). Ela espera que ele ligue no dia seguinte, o que não acontece. Gigi resolve ir até o bar onde se conheceram, na esperança de reencontrá-lo. Lá ela conhece Alex (Justin Long), amigo de Conor. Ele tem uma visão bastante realista sobre os relacionamentos amorosos e tenta apresentá-la a Gigi, através de seu ponto de vista masculino. Por sua vez Conor é apaixonado por Anna (Scalett Johansson), uma cantora que o trata apenas como amigo e que se interessa por Ben (Bradley Cooper), casado com Janine (Jennifer Connelly). O casamento deles está em crise, o que não impede que Janine dê conselhos amorosos a Gigi, com quem trabalha. Outra colega de serviço é Beth (Jennifer Aniston), que namora Neil (Ben Affleck) há 7 anos e sonha em um dia se casar, apesar dele ser contrário à idéia.

Aqui sim você encontra todos os tipos de relacionamentos, OK! Nem todos... mas boa parte deles. E eu tenho certeza que você já viveu, presenciou ou já ouviu falar que alguém passou por isso ou aquilo rs.





"Mulheres ao Ataque"

Quando Carly (Cameron Diaz) descobre que seu namorado, Mark (Nikolaj Coster-Waldau), é casado com outra mulher, Kate (Leslie Mann), as duas se unem contra ele em nome da vingança. Uma estranha amizade começa a nascer entre elas, mas a situação fica ainda pior quando elas descobrem que uma terceira mulher está envolvida, a jovem Amber (Kate Upton). Logo, a terceira pretendente se une ao grupo, para dar uma lição no marido infiel.

Não precisa se desiludir do verdadeiro amor também... Um ótimo filme para rir!






"Três vezes Amor"

Manhattan. Will Hayes (Ryan Reynolds) é o pai solteiro de Maya (Abigail Breslin), uma garota de 10 anos que sempre quis saber como ele e sua mãe se conheceram. Um dia, após muita insistência dela, Will conta que teve um relacionamento com três mulheres, Summer (Rachel Weisz), Emily (Elizabeth Banks) e April (Isla Fisher), e que uma delas é sua mãe. Decidida a fazer com que seus pais voltem a viver juntos, Maya passa a incentivar o pai a encontrar suas antigas namoradas. O problema é que todos os relacionamentos terminaram de forma abrupta, com traumas para ambos os lados.


É muito fofo!!! Quem disse que não pode amar mais que uma vez?!

E agora vocês ficam com o vídeo da Fernanda... SIM... uma TAG (TOP 5) de verdade rs
Aproveitem... (minha gêmea é demais) rs



Espero que tenham uma ótima sessão pipoca!!

Beijos






0 comentários:

Deixe seu comentário